CRISE AGUDA VERSUS CRISE OBTUSA

Imagem: Divulgação

Por Celso Fernandes

Perguntado ao verbo se as instituições caminham bem, não precisamos responder ao pé da letra. Por certo requer passar por toda uma reformulação acaso queira entrar nos eixos, principalmente quando os Três Poderes parecem discordar até mesmo no tocante a pandemia espalhada. Pelo Brasil e pelo mundo, claro. Isso enquanto acompanhamos a pouco a fala do ministro Gilmar Mendes quanto ao exército.

Novas surpresas pela frente? Lógico que sim, pois, mesmo presenciamos (idem) fala suprema sobre o pedido de ´´trégua´´ a ´´dubiedade´´ presidencial pelo nosso supremo. Observe-se lá, o que mais trabalha no mundo como guardiões do povo e alto lá que daqui só estamos comentando!

A propósito, medo de genocídio? Se as instituições estão bem?, obrigado por novamente perguntar. Porque sim, e porque não, citam até que bolsonaristas nas redes sociais passam a ser minoria e quem mesmo para substituir Jair Bolsonaro para a próxima gestão presidencial? Algum outro forte candidato que tenha a ficha limpa, que tenha declarado toda uma arrecadação – feito o Paulinho da Força, recentemente (re)apontado por denúncias?

Coisa também que de liberações e mais liberações nível ´´prisão domiciliar´´ ocupam nossos noticiários constantemente, Geddel Vieira Lima (aquele famoso por armazenar R$ 51 milhões em seu apartamento) foi beneficiado pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli  . Motivo? Covid-19, bem como o mesmo ´´à luz do princípio do poder geral de cautel´´.

Um pouco mais do mesmo e de quem mais terá garantia de integridade física e psíquica nas próximas horas? Ou, se a fila ainda anda, não anda? Para muitos costuma de locomover além de forma parada.

Avante, Brasil, as instituições precisam mais que nunca caminhar. Aliás, caminhar, seguir e funcionar bem antes que a máquina emperre em épocas de retomada do crescimento!

Celso Fernandes, jornalista, escritor. Colunista de Moda, TV e Literatura. Assessoria de imprensa. Blog:

Follow me: http://twitter.com/celsocolunista

www.facebook.com/celsocolunista

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *