MEU ROSTO (FRANCISCO DE SALES FELIPE)

O tempo me marcou. Sim. O seu passar.
Levando o meu bom rosto. Meu desgosto,
Agora é saber que não voltas. Não voltarás.
Deixo contigo, algoz da boa vida,minha confissão:
Mais do que nunca, amo com mais calma a mulher
A quem minha juventude ingênua não soube amar.
Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.