Terminal do Nordeste tem crescimento de 304% na exportação de frutas; saiba mais

Foto: Divulgação

Europa e a América do Norte são os principais mercados consumidores de frutas do Brasil

Equipado com três berços para receber navios, o Tecon Salvador destaca-se pela rapidez e eficiência na atracação. O terminal realiza, em média, 26 movimentos de carga por guindaste/hora, operando simultaneamente com quatro guindastes, um diferencial significativo entre os portos do Nordeste.

No período de janeiro a outubro, o embarque de frutas para o exterior pelo Tecon Salvador, pertencente à Wilson Sons, registrou um aumento de 304% em comparação ao mesmo período do ano anterior, totalizando 2.997 contêineres movimentados. Limão, manga e uva são os principais destaques, mas o terminal também lida com outras frutas e cargas refrigeradas, como polpas e sucos, provenientes do norte de Minas Gerais, Sergipe e diversas partes da Bahia, incluindo a região do Vale do São Francisco, responsável por 62% da produção nacional de uva de mesa.

Tecon Salvador tem crescimento de 304% na exportação de frutas

Essas cargas têm como destino principal a Europa e a América do Norte, os principais mercados consumidores de frutas do Brasil, com o terminal baiano oferecendo sete escalas semanais para atender a essa demanda.

Demir Lourenço, diretor executivo do Tecon Salvador, destaca o know-how adquirido e os investimentos constantes realizados pela Wilson Sons em tecnologia e ampliação do equipamento como elementos essenciais para esse desempenho impressionante. Ele ressalta a agilidade e segurança operacionais, desde o recebimento dos caminhões (que levam aproximadamente 26 minutos para acessar e sair do local) até a movimentação eficiente da carga dentro do terminal, operando com quatro guindastes simultâneos.

A localização estratégica do terminal, a apenas 500 km das principais fazendas produtoras do Vale do São Francisco, aliada às tecnologias implementadas, como o agendamento online 24 horas, gates exclusivos para carga reefer e integração sistêmica com os órgãos anuentes, são fatores que contribuem para a escolha do Tecon Salvador como rota preferida para o escoamento da produção baiana e de outros estados. O terminal também otimiza o fluxo e as deliberações dos órgãos anuentes competentes por meio de vistorias de cargas durante a semana, realizadas na plataforma do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), além de vistorias às segundas-feiras para cargas recebidas no fim de semana.

Sobre a Wilson Sons

A Wilson Sons é o maior operador de logística portuária e marítima do mercado brasileiro, com mais de 185 anos de experiência. A companhia tem abrangência nacional e oferece soluções completas para mais de 5 mil clientes, incluindo armadores, importadores e exportadores, indústria de energia offshore, projetos de energia renovável, setor do agronegócio, além de outros participantes em diversos segmentos da economia.

Com o Portal NE9

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *