PENSE! Uma homenagem a Jorge Lira, que nos deixou ontem

Por Minervino Wanderley

A manhã deste domingo não foi igual a tantos outros. Mesmo com o sol brilhando, ele ficou nublado. Também pudera! Recebemos a notícia de que Jorginho havia partido. Difícil de acreditar, mas a razão nos mostrava que era verdade. Jorginho vai ao encontro Dele cercado de muita luz. Deixa Natal inteira órfã de seus gestos sempre envoltos em carinho e solidariedade. Seus colegas e amigos do Marista se habituaram a ter em Jorginho aquele personagem que trazia alegria e um gostoso alvoroço. Perdemos mais do que um amigo ou colega. Perdemos o Homem Jorge Lira.

Pai sempre presente, marido leal, profissional de conduta irrepreensível, Jorge abre um espaço difícil de ser preenchido nos corações de tantos que lhe queriam bem e o admiravam. Nosso conforto é saber que Deus, que a tudo vê, o recebe e o colocará no seu devido lugar. Com absoluta certeza entre aqueles que semearam o Bem por onde passaram.

Teremos saudade, Jorginho. Muita. Mas, um dia, de acordo com a vontade Divina, nos encontraremos outra vez. O seu teclado voltará a fazer a festa e, juntos, cantaremos as belezas que eram características suas.

Até um dia, amigo.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *