Brasil aplicou 1ª dose da vacina contra a covid em 57,8 milhões; total é de 81,9 milhões

O Brasil aplicou a 1ª dose de vacinas contra a covid-19 em 57.899.408 pessoas até às 21h30 de 3ª feira (15.jun.2021). Dessas, 24.029.359 receberam a 2ª dose. Ao todo, 81.928.767 doses foram administradas no país. O dado é da plataforma coronavirusbra1, que compila dados das secretarias estaduais de Saúde.

O número de vacinados com ao menos uma dose equivale a 27,1% da população, conforme a projeção de habitantes para 2021 feita pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Os que receberam as duas doses são 11,3%.

Dos que tomaram a 1ª dose, 42% já receberam também a 2ª e estão imunizados. As vacinas que estão sendo aplicadas no Brasil são a CoronaVac, Oxford/AstraZeneca e a da Pfizer. Todas requerem duas doses.

A unidade federativa com a vacinação mais avançada é o Mato Grosso do Sul, com aplicação da 1ª dose em 35,9% da população. Já o Amapá é o estado com o ritmo mais lento de imunização –17,2% da população recebeu a 1ª dose.

Eis os números de vacinados por Estado:


OS DADOS
Os dados mostrados nesta reportagem são da plataforma coronavirusbra1, mantida por Carlos Achy, Leonardo Medeiros, Wesley Cota e voluntários, que compilam os números de vacinação divulgados pelas secretarias estaduais de Saúde.

O Ministério da Saúde também dispõe de uma plataforma que divulga dados sobre a vacinação: o Localiza SUS. Contudo, os números demoram mais para ser atualizados.

A plataforma do ministério depende de Estados e municípios preencherem os dados –de acordo com os critérios do governo federal– e enviarem à pasta. Quando uma dose é aplicada, as cidades e os Estados têm 48h para informar ao ministério. Mas nem sempre esse prazo é seguido.

O dado publicado pelo Poder360 é maior que o do Localiza SUS, por que os desenvolvedores da plataforma coronavirusbra1 compilam os números de cada uma das secretárias estaduais, e as informações divulgadas diretamente por essas são mais atualizados.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.