PENSE! Instrumental no CCBB – 1993: Canhoto da Paraíba/Zimbo Trio

A saudade do artista chega e é hora de relembrar o fantástico Canhoto da Paraíba. Paraibano de Princesa Isabel e considerado dos grandes nomes do cancioneiro popular nordestino, Canhoto fez parcerias com artistas como Pixinguinha, Radamés Gnattali, Paulinho da Viola e Zimbo Trio. Teve quatro discos lançados: “Pisando em brasa” (1993), “O violão brasileiro tocado pelo avesso” (1977) e “Único amor” (1968), além da coletânea “Instrumental no CCBB – Canhoto da Paraíba e Zimbo Trio” (1993).

Admirado por grandes nomes da MPB, como Paulinho da Viola, Paulo Moura, Sivuca, entre outros, Canhoto era de uma incrível habilidade no violão. O fato de ser canhoto – daí seu nome artístico – dá ainda mais valor às suas interpretações, pois o instrumento é feito somente para destros.

Vamos nos ater ao show protagonizado por Canhoto da Paraíba e Zimbo Trio, em 1993, no Centro Cultural Banco do Brasil. Nas sete primeiras músicas do disco participaram: Canhoto (Violão 6 cordas); Francilúzio (7 cordas); Henrique Cazes (Cavaquinho); Valtinho do Acordeon (Sanfona); Chico Lopes (Sax) e Celso Cruz (Pandeiro). As últimas sete músicas ficaram por conta do não menos famoso Zimbo Trio.

Direção Show de Canhoto da Paraíba: Geraldo Luiz de Azevedo/Fernando Filizola

Link das músicas:
https://play.google.com/music/preview/B7zeis2urefdxbt4kamowcncfv4

O Globo.com assim noticiou a morte de Canhoto:
O músico Francisco Soares de Araújo, popularmente conhecido como Canhoto da Paraíba, morreu na tarde de uma quinta-feira, 24 de abril de 2008, aos 82 anos. O artista sofreu um enfarto quando estava em sua casa, na cidade de Paulista, região metropolitana do Recife. Canhotinho não tocava desde 1998, quando sofreu um acidente vascular cerebral e ficou com o lado esquerdo do corpo paralisado (que ironia!).

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *