Trens noturnos em expansão na Europa; VÍDEO

 

Entre as preocupações ambientais e os receios de viajar de avião em tempos de pandemia, o negócio dos comboios noturnos na Europa está a ganhar uma nova vida.

Da Suécia à Áustria, têm-se multiplicado nas últimas semanas os anúncios de ressurreição e reforço dos comboios com camas por toda a Europa, uma boa notícia para muitos passageiros.

(c) Krasnevsky | Dreamstime.com

Apesar das ligações ferroviárias serem frequentemente mais caras do que os voos “low cost”, esta opção tem crescido em popularidade, como refletem os investimentos em território europeu. A empresa estatal de caminhos-de-ferro da Áustria (ÖBB) investiu em 26 novas rotas.

Bernhard Rieder, porta-voz da ÖBB:”O nosso objetivo é bastante claro: oferecer aos passageiros um serviço alternativo a voar na Europa e é por isso que estamos a expandir a rede com os nossos parceiros.”

As companhias estatais da Áustria, Alemanha, Suíça e França anunciaram recentemente um investimento de 500 milhões de euros para o desenvolvimento de ligações ferroviárias noturnas entre 13 grandes cidades europeias.

Mas, com a liberalização do mercados nos últimos anos, também há vários operadores privados a avançar com projetos, que permitirão nomeadamente ligar Estocolmo a Berlim ou aos Alpes e a Ucrânia à capital checa.

A Regiojet é uma dessas empresas. A companhia checa já oferece viagens em comboios com camas de Praga para a Croácia e a Eslováquia e defende que deveria beneficiar dos mesmos subsídios que as empresas estatais.

Ales Ondruj, porta-voz da Regiojet: “O nosso sonho é poder competir a um nível justo com o Estado e outras companhias, porque não deveria haver uma diferença entre um operador estatal e um privado.”

Johannes Pleschberger, euronews: “A Regiojet enviou, juntamente com outros operadores privados, uma carta aberta aos responsáveis políticos, apelando a uma concorrência justa, que diz ser a única forma de implementar o Pacto Ecológico Europeu no transporte de passageiros.”

Fonte: Euronews

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.