PENSE! Projeto Premia Iniciativas Contra A Corrupção; Participe

Seguem abertas até o dia 17, as inscrições para o Prêmio Não Aceito a Corrupção que busca estimular a academia – estudantes e professores – a aprofundar a discussão sobre conceitos e soluções práticas relacionadas à corrupção e seu combate no Brasil. O melhor projeto de cada categoria será premiado com R$ 6 mil, além de menção honrosa. A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) estimula a ação por meio do Movimento Articulado de Combate à Corrupção (MARCCO), do qual faz parte.

Iniciativa conjunta do Instituto Jatobás e do Instituto Não Aceito Corrupção, o prêmio é destinado a estudantes universitários de graduação e pós-graduação que buscam contribuir para a sensibilização, a mobilização e a divulgação dos conceitos relacionados ao tema do combate à corrupção.

Podem participar, individualmente ou em equipes de até 3 integrantes, estudantes maiores de 18 anos, regularmente matriculados durante o ano letivo de 2020 ou formados em 2019 em cursos de graduação ou pós-graduação de instituições de ensino superior brasileiras e estrangeiras. A participação de professores se dá por meio da orientação das equipes inscritas. Não há limite de equipes orientadas.

A atuação dos interessados se dá por meio de três categorias: Acadêmico, voltada para artigos acadêmicos, estudos de caso, pesquisas, ou outro projeto acadêmico; Tecnologia, para quem tem atuação na área de tecnologia e tenha versões executáveis finalizadas de aplicativos móveis disponíveis para Android e iOS; e Comunicação, destinada a peças digitais de comunicação que possam vir a ser veiculadas em diferentes tipos de mídias, entre elas redes sociais. Em todas as categorias, o material dever ser produzido exclusivamente em língua portuguesa.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.