USE A FORÇA DO SORRISO

Por Celso Cruz

Um precedente silêncio

Com tristeza anuncia

Que lágrimas em rebeldia

Teimam em se deixar rolar

Já se ausentou o cantar

O sorrir emudeceu

Foi a razão que perdeu

Caiu frente à emoção

Um sofrer pro coração

Pois alegria morreu

Com o padecer da alegria

A vida perdeu a cor

Desencontrada do amor

A inquieta esperança

Sem estímulo, sem pujança

Desquitou-se do sonhar

Tentando revigorar

A alma em movimento

Buscou aprofundamento

E pôs-se a argumentar

A alegria não morre

Ela apenas está quieta

Se a tristeza lhe afeta

Ela logo silencia

A mente é quem propicia

O clima de motivação

Equilibrando a razão

Com emotivos sentimentos

Tornando belos os momentos

 De alma e coração

Com a força do equilíbrio

O coração se escancara

A alma tudo repara

E sai fazendo aliança

Desperta a esperança

Que dá razão pro sonhar

Favorece o despertar

Da exaltação, da euforia

Que bailam com a alegria

Com o sorrir e o cantar

A tristeza se ausenta

Ao ouvir a sinfonia

Que o alegrar propicia

Dando sentido ao viver

E nos faz compreender

Que é justo, claro, conciso

Que ser alegre é preciso

Dê sentido ao seu sonhar

Pra um alegre caminhar

Use a força do sorriso. (Celso Cruz

Compartilhe:

Comentário (1)

  • Denis Von Brown Responder

    Excelente!!!

    12 de agosto de 2020 at 12:49

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.