OBRIGADO, BRISA! (FRANCISCO SALES FELIPE)

Certa vez, li a luz azul de uma frase.
– O senhor me ensinou a sentir saudade.
Brisa, filha amada, a minha vida é um roteiro traçado para uma alma compulsivamente itinerante.
Talvez por essa razão tenha visitado tanto chão e tanto porto.
E foi assim, deitando meus pés no caminho para pintar de esperança os horizontes sonhados que senti a melhor de todas as felicidades quando no DIA DA CONCEIÇÃO, eu vi teu rosto moreno me trazendo a BRISA do mar da minha terra distante.
Aprendi contigo a honrar minha saudade.
E hoje, beijo-te e abraço-te para gritar
FELIZ ANIVERSÁRIO, minha tempestade de carinho e amor, BRISA GOMES FELIPE .
Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.